Bate Papo . Dúvidas . Home
 Wicca


 Magia


 Celebrações


 Rituais


 Receitas


 Leitura

 Imagens
 Mapa do Site
 Links
 Banners

 Pesquisa no site


 
Todas as palavras
Palavras inteiras



 Parceiros


Bruxaria.net



 Campanha

Adote um animal abandonado


 Círculo Sagrado
 © 2001 - 2003

 Termos Legais

 
 



Mais...



A pergunta da rainha das feiticeiras a seu espelho mágico no antigo conto de fadas, hoje conhecido como "Branca de Neve", é um eco de práticas tão velhas quando o próprio tempo. Como muitos dos instrumentos de magia, o espelho é um objeto inspirado na Natureza.

Os primeiros espelhos eram os lagos. Num dia tranqüilo, quando as águas não formam ondas, pode-se observar um reflexo bastante detalhado. Na tentativa de capturar esse fenômeno, poliam-se pedras e metais até que, por fim, produziu-se o vidro que, quando revestido em um dos lados com uma fina camada de prata, produzia uma superfície reflexiva perfeita – um lago perfeitamente cristalino, "congelado" para ser usado quando desejado.

Espelhos (e superfícies reflexivas) há muito dominam nossa imaginação. Há diversas referências a espelhos no folclore, assim como na magia, se bem que tais práticas estão quase que esquecidas hoje.

O simbolismo do espelho é simples e ao mesmo tempo complexo. É considerado sagrado à lua, pois, como a lua reflete a luz do sol, o espelho é um objeto reflexivo. Sendo um símbolo lunar, os espelhos utilizados em magia são geralmente de forma redonda.

Além disso, os espelhos nos permitem ver coisas que não poderíamos ver sem sua ajuda – não apenas as coisas físicas, mas também coisas mais elevadas, como as memórias de vidas passadas, visões do futuro, ou de eventos ocorrendo simultaneamente em outros locais.

A magia com espelhos provavelmente teve seu apogeu durante a Grécia Clássica e em Roma. Espelhos polidos de bronze eram utilizados em rituais de magia e cosméticos. A maioria desses espelhos era pequena e usada com as mãos.

Uma antiga técnica para induzir clarividência é refletir a luz de uma fogueira na lâmina brilhante de uma espada ou faca; o reflexo assim apanhado causava visões a quem nela se concentrava. Esta é apenas mais uma forma de magia com espelhos metálicos.

Apesar de práticas como essa ainda serem utilizadas, a maioria das práticas de magia com espelhos atualmente é feita com espelhos de vidro. Espelhos antigos não são necessariamente melhores, pois tendem a possuir imperfeições (como a perda da folha de prata), o que pode interferir. Muitas vidraçarias cortam espelhos sob medida, portanto não é impossível obter aqueles redondos.

Para rituais rápidos, pode-se até mesmo utilizar um espelho de bolso, se bem que isso é muito mais fácil para mulheres. Muitos encantamentos foram lançados enquanto uma mulher fingia retocar sua maquiagem.

Lembre-se sempre de que o espelho é uma simples ferramenta, um elo com a lua, com seu subconsciente, e por fim com a própria Natureza.

A magia costuma ser espontânea, e você deve estar preparado praticamente para tudo.


O Espelho Mágico

Obtenha um espelho redondo com diâmetro entre 35 cm e 70 cm. De preferência, deve estar acoplado a uma moldura também redonda, pintada de preto, mas isso não é fundamental.

Após obtê-lo, leve-o para casa e lave-o cuidadosamente com água. Se desejar, lave a seguir com uma infusão de artemísia, uma colher de chá para cada xícara de água. Deixe esfriar antes de usar.

Quando o espelho estiver seco, cubra sua face com um pano preto e deixe-o onde não seja tocado, até a lua cheia. Nessa noite, exponha o espelho aos raios da lua de preferência ao ar livre – pode ser pela janela, se necessário. Carregue o espelho mágico com o luar e diga as palavras abaixo ou semelhantes:

SENHORA DA LUA,
VOCÊ QUE A TUDO VÊ E TUDO SABE,
EU CONSAGRO ESTE ESPELHO COM SEUS RAIOS BRILHANTES
PARA QUE ILUMINE MINHA MAGIA E MINHA VIDA.


Traga o para dentro e pendure-o na parede leste de seu quarto, ou na sala onde pratique magia. Mantenha-o coberto quando não estiver sendo utilizado.

Exponha o espelho à lua ao menos três vezes por ano. Quando estiver empoeirado (se ficar), lave-o com uma infusão de Artemísia ou água limpa. Nunca utilize sprays à base de amônia para limpar seu espelho, pois a amônia destrói qualquer magia!

Se desejar, pode utilizar um tipo "psíquico" de óleo (como de cravo ou de noz-moscada) para desenhar um crescente na parte de trás, marcando-o assim com o símbolo da lua.

Nunca use o espelho para outras coisas que não a magia. Reserve outro espelho para uso rotineiro.

A seguir, vários encantamentos que podem ser praticados com o espelho mágico, assim como com outros.


Canto para Visões

De pé diante do espelho mágico, remova sua capa e entoe o seguinte, até que as visões surjam:

ESPELHO DO LUAR,
ESPELHO DE VIDRO,
PERMITA-ME VER
O QUE VAI ACONTECER.
REMOVA O VÉU
DIANTE DE MIM.
É O QUE DESEJO,
ASSIM SEJA!


Os melhores períodos para praticar visões em seu espelho é na aurora, no crepúsculo ou à noite.


Memória Distante

Acenda uma vela branca numa sala escura e deixe-a numa posição de modo que ilumine seu rosto diante do espelho, mas sem refleti-lo.

Diga o seguinte:

ORÁCULO DE LUZ LUNAR,
ENVIE-ME AGORA A SEGUNDA VISÃO
.

Olhe nos olhos de seu reflexo, ou logo no centro e acima deles. Gradualmente, seu reflexo irá desaparecer e você verá outro rosto; é o de uma vida passada. Será inconfundivelmente familiar a você.

Com prática, pode-se utilizar esta técnica para aprender diversas coisas sobre vidas passadas. Tente "sintonizar-se" com o rosto. Tente ver o resto do corpo, as vestes, jóias, cenários, qualquer coisa que o ajude a determinar o local e o período.

A mera visão do rosto pode detonar reações emocionais inesperadas dentro de você; preste atenção a elas e você poderá começar a ser lembrar de pessoas e eventos que estiveram trancados em sua memória distante.

Às vezes surte melhor efeito quando realizado em semi-escuridão; ajuste a quantidade de luz que ilumina seu rosto até obter os resultados desejados.


Um Encantamento Simples com Espelhos

De pé diante de seu espelho mágico, acenda duas velas idênticas com as cores apropriadas de cada lado. Com um giz de cera, ou mesmo com um batom ou tinta solúvel em água, desenhe uma runa ou um símbolo de sua necessidade. Enquanto desenha, certifique-se de que o desenho ocupará o espaço onde seu rosto será refletido. Veja o símbolo fundindo-se a seu reflexo, e saiba que assim será em sua vida.

Feche seus olhos e visualize firmemente sua necessidade, e a seguir saia da área. Essa runa deve permanecer no espelho até a manhã seguinte, quando deverá ser limpa com um pano, de preferência sem olhar para ela.


Uma Adivinhação

Apanhe um pequeno espelho redondo e mergulhe-o na água (de preferência um lago ou rio, mas uma pia ou banheira também serve). Remova-o imediatamente e observe seu reflexo. Se estiver desfigurado, cuidado! O mal pode estar conspirando contra você, ou terá de enfrentar problemas em breve. Pratique magia protetora.

Entretanto, se o reflexo estiver normal, não há problemas para o futuro.


Outra Adivinhação

Se deseja descobrir como anda uma pessoa distante, se está bem ou doente, com problemas ou em segurança, faça o seguinte em pé diante do espelho, em semi-escuridão, visualize a imagem da pessoa com a viu pela última vez; forme uma imagem o mais completa possível. Mantenha-a e aguarde qualquer alteração; uma cicatriz que se forma no rosto pode indicar dificuldades físicas; um sorriso indica felicidade, e assim por diante.

A imagem toda pode ser substituída por um símbolo, e este deve ser interpretado para determinar as condições da pessoa.

Com treino, este pode ser um bom meio para estabelecer elos ou ao menos "checar" como andam pessoas distantes.


Um Portal de Espelho

Quando sentir que o mal está em sua casa, pegue um pequeno espelho redondo. Pinte de preto a parte de trás e arrume um meio de pendurá-lo num canto próximo do teto do cômodo onde sinta que o mal está mais forte.

Se possível, pendure o espelho de modo que forme um ângulo de 45º com a parede, sua ponta mais alta levemente inclinada para o chão.

Esse espelho atuará como um "portal" pelo qual qualquer mal de sua casa passará rumo ao espaço, onde será dispersado e destruído.

Após pendurar o espelho, fique de pé na sala e visualize o mal girando a seu redor na direção anti-horária, denso e negro, como uma névoa pestilenta. Olhe então para o espelho e visualize uma grande porta se abrindo, uma porta que leva ao espaço. Veja a névoa maligna sendo sugada pelo espelho, para longe de sua casa, para longe de sua vida.

Se sentir problemas durante este encantamento, repita-o até sentir que a sala está livre de negatividade. Quando isso ocorrer (pode sentir a sala dando um suspiro de alívio depois), suba em algo que lhe permita tocar o espelho e, com o indicador de sua mão de poder, risque uma cruz de braços iguais na superfície do espelho para "trancá-lo", de modo que se torne um portal de mão única. O mal pode sair, mas não poderá regressar.

Faça a cruz movendo seu dedo indicador de cima do espelho, descendo em linha reta até a parte de baixo, erguendo a seguir o dedo e iniciando no lado esquerdo do espelho e traçando uma linha reta até o meio do lado direito.

Deixe o espelho nessa posição por pelo menos sete dias. Remova-o a seguir e limpe-o com vinagre forte ou solução de amônio para livrar-se de todas as vibrações negativas. Não pratique este encantamento com seu espelho de magia.


Visões com a Lua e Espelho

Com um espelho convexo circular, pequeno o bastante para caber em sua mão (retrovisores de carros são os mais indicados), saia ao ar livre numa noite fresca e clara, com a lua cheia em seu ponto alto no céu.

Sente-se confortavelmente e apanhe o reflexo da lua no espelho. Concentre-se no ponto de luz prateada e comece a mover vagarosamente o espelho, frações de centímetros para todos os lados, observando enquanto a imagem da lua gira e balança na superfície do espelho.

Após alguns minutos, isto o levará a um estado psíquico, desde que esteja só e nada o perturbe.


Para Melhorar a Aparência

Fique de pé diante de seu espelho mágico, só e nu. Se possível, cada parte de seu corpo que precisa de melhorias deverá estar visível. Isto requer um espelho grande, com ao menos 70 cm de diâmetro.

Fite seu reflexo à luz difusa de uma vela. Estude-o, inspecione-o, enquanto diz:

TRANSPARENTE COMO CRISTAL,
TRANSPARENTE COMO O AR.
FAÇA COM QUE MINHAS FORMAS SEJAM
BELAS E FORMOSAS.


A seguir, com seus poderes de visualização, comece a formar um novo corpo. Livre-se das rugas. Elimine as gorduras. Aumente os músculos. Efetue mentalmente todas as mudança que gostaria de ver em seu corpo.

Mantenha essa visão o mais que puder, por cerca de treze minutos. Depois, olhe novamente para seu corpo e diga as seguintes palavras uma vez mais:

TRANSPARENTE COMO CRISTAL,
TRANSPARENTE COMO O AR.
FAÇA COM QUE MINHAS FORMAS SEJAM
BELAS E FORMOSAS.


Repita este encantamento todas as manhãs e noites, reforçando-o com exercícios, dietas e o que mais o ajudar a atingir seu objetivo.


O Encantamento da Devolução

Se sentir que o mal está sendo direcionado a você, a partir de pessoas ou entidades conhecidas ou não, pode utilizar este encantamento. Mesmo se não tiver certeza de que alguém está tentando machucá-lo, pratique este ritual, por via das dúvidas.

Ponha um pequeno espelho redondo (não o seu espelho mágico) encostado numa parede, ou num suporte que o deixe paralelo à parede. Diante dele, coloque uma vela preta num suporte simples. Certifique-se de que a vela se reflete no espelho.

Em seguida, coloque uma vela branca longe do espelho (de preferência onde não seja refletida) e acenda-a. Isto assegura que a vela preta não atrairá forças malignas.

Agora, diante do espelho e da vela preta, acenda um fósforo e entoe, enquanto acende a vela:

PRETO, PRETO
AFASTE O MAL.


Repita estas palavras enquanto olha para a vela por alguns momentos, deixando a sala em seguida.

Após uma hora, apague a chama da vela (sem utilizar seus dedos – use um abafador de velas ou a lâmina de uma faca) e guarde o espelho e a vela. Apague a seguir a vela branca e guarde-a fora de seu campo de visão. Repita o encantamento por sete noites ou até sentir que o mal foi afastado.

Este encantamento devolve quaisquer forças malignas que lhe tenham sido direcionadas àqueles que as enviaram. É apenas uma medida defensiva.


O Encantamento com a Moeda e o Caldeirão

Este é um vestígio da magia com espelhos metálicos praticada por nossos ancestrais. O "espelho" aqui será uma grande moeda de prata. Leve-o, bem como a moeda, ao ar livre, num local onde não venha a ser perturbado.

Ponha o caldeirão ou recipiente no chão. Erguendo a moeda à lua, diga:

SENHORA DA LUZ
SENHORA DA NOITE
FORTALEÇA MINHA VISÃO
NESTE RITO.


Ponha a moeda dentro d’água. Quando se ajustar no fundo do caldeirão, mova-o até que a moeda reflita a luz da lua. Parecerá ser um brilhante objeto redondo em meio à escuridão do interior do caldeirão.

Sentado ou ajoelhado confortavelmente, observe a moeda com olhos semi abertos. Surgirá então a segunda visão.


O Espelho Quebrado

Quebre um espelho e você terá sete ano de azar, certo? Isto é o que diz a superstição.

Na verdade, mesmo havendo muitas explicações para este mal-entendido, uma das mais sensatas (na mentalidade da magia) é a de que você terá que comprar um novo espelho! No século XIV, os primeiros espelhos modernos, quebráveis, foram produzidos em Veneza. Eram muito caros. Pode-se imaginar o futuro de um serviçal que acidentalmente quebrasse um espelho. Sem dúvida, seu mestre lhe causaria muito azar!

Se quebrar seu espelho mágico, ou qualquer outro, não se preocupe. Ainda será útil em magia. Colete cuidadosamente todos os fragmentos grandes e coloque-os numa grande jarra de vidro. Varra o pó do espelho e jogue também dentro da jarra, tampando firmemente em seguida e deixando a jarra numa janela ensolarada da casa.

Isto automaticamente afastará o mal e as influências negativas de sua casa, pois cada um dos milhares de fragmentos atuarão como espelhos protetores.

Mantenha a jarra bem limpa e ela lhe servirá bem. Se desejar, cole um pequeno espelho redondo na tampa da jarra.

Após terminar, compre um novo espelho e prepare-o para assegurar-se de que terá um quando necessário.

Fonte: 'Magia Natural: Rituais e Encantamentos da Tradição', de Scott Cunningham

 Melhor visualizado com Microsoft Internet Explorer Subir